Animateatro | “RAPunzel, Talvez Musical”
11245
post-template-default,single,single-post,postid-11245,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-theme-ver-3.4,wpb-js-composer js-comp-ver-5.0.1,vc_responsive

ANIMATEATRO

“RAPunzel, Talvez Musical”

  |   agenda cinema s. vicente
  • 26 Fevereiro (Domingo)
    Cinema S. Vicente
    11H

 

“RAPunzel, Talvez Musical”
p’la Byfurcação
M3 | 50min

 

 

Sinopse
O clássico dos irmãos Grimm chega-nos agora com sons e ritmos diferentes. Uma estória em Rap ou um Rap a contar a estória. Castigada por erro que os pais fizeram antes dela nascer, Rapunzel vivia num quarto de uma torre muito alta, apenas com uma janela virada para um bosque profundo. Rapunzel passava os dias a pentear o seu lindo e longo cabelo loiro e a entrançá-lo para que a sua madrinha, uma velha muito velha com fama de bruxa má, pudesse subir pelas tranças até ao topo da torre e visitar Rapunzel. Mas um dia… à noite… enquanto ela cantava ao luar, um jovem príncipe, Louis de seu nome, que andava perdido da sua comitiva, ficou a ouvir Rapunzel e apaixonou-se pela sua doce voz. Ambos começaram a conversar e Rapunzel contou a sua triste vida. O príncipe Louis, prometeu a si mesmo e à sua amada que havia de arranjar forma de subir aquela torre tão alta e pedir a mão de Rapunzel em casamento.

 

Ficha Técnica e Artística
Adaptação de texto: João Ascenso | Encenação: Paulo Cintrão | Interpretação: Diogo Tormenta, João Ascenso, João Parreira, Paulo Cintrão e Ricardo Karitsis | Música original: Nuno Cintrão | Figurinos: Byfurcação Teatro | Cenografia e adereços: Marta Fernandes da Silva | Imagem e design: José Frutuoso | Técnico de som: José Frutuoso | Produção: Sandra Cruz e Telma Grova